4 museus diferentes no Alentejo

Existem muitos museus famosos no mundo, que guardam algumas das maiores obras de arte já criadas. Mas os museus têm a função de conservar, estudar e mostrar objetos de valor artístico ou histórico. Nesse sentido, o Alentejo conta com vários museus diferentes, que fogem um pouco do comum. E eles garantem ótimos passeios para quem visita a nossa região!

Confira quatro deles abaixo.

Museu Berardo Estremoz

Primeiramente, temos este incrível museu situado em Estremoz. Seu acervo é simplesmente a maior e mais importante coleção privada de azulejos de Portugal. Em uma visita, é possível não apenas ver de perto estas verdadeiras obras e arte, mas também aprender histórias da azulejaria na exposição inaugural “800 Anos de História do Azulejo”.

Museu do Azeite

Em segundo lugar, temos o Lagar Museu Melara Picado Nunes, que fica na aldeia de Galegos, em Marvão. Lá, os visitantes conhecem um verdadeiro lagar de azeite de oliva em funcionamento, aprendendo mais sobre o azeite, as técnicas da produção e a história da família que criou o local, bem como visitam um lagar antigo e realizam uma prova de azeite acompanhado de outros produtos regionais.

Museu do Chocalho

Este é, sem dúvida, o museu mais diferente da lista. Isso porque, ao ler chocalho, você provavelmente pensou naquele brinquedo de bebê, mas estamos falando de outra coisa. No Alentejo, o chocalho é uma espécie de sino que os animais de campo, como gado, ovelhas e cabras, por exemplo, utilizam no pescoço, e que faz barulho quando eles se movem. No entanto, o que torna o chocalho tão especial e que lhe garante até um museu é que ele é produzido com uma técnica criada há mais de 2 mil anos, que foi considerada Patrimônio Cultural Imaterial pela UNESCO. Os visitantes veem de perto como eles são produzidos no museu situado em Alcáçovas.

Museu Mineiro de Lousal

Por fim, nossa lista de museus diferentes no Alentejo termina com o Museu Mineiro do Lousal, que faz parte do Centro Ciência Vida do Lousal. Este museu abriga um significativo espólio de documentos, objetos e equipamentos que levam o visitante em uma viagem pelo tempo, para entender como era o cotidiano nos anos de prosperidade do complexo mineiro de Lousal.