Dia de Camões: como se sentir em Portugal neste dia

No dia 10 de junho, Portugal comemora o Dia de Camões. A data, considerada feriado nacional desde 1978, é uma homenagem ao poeta Luís Vaz de Camões, autor da épica obra de poesia “Os Lusíadas”, que morreu neste dia em 1580. Sua obra teve contribuição fundamental na consolidação da cultura da língua portuguesa.

Aliás, na mesma data comemora-se o Dia de Portugal e das Comunidades Portuguesas, quando são realizadas muitas atividades no país e em diversas partes do mundo, onde existem comunidades portuguesas, como Canadá, Reino Unido e Brasil. Para celebrar esta importante data e para você se sentir como se estivesse em Portugal, veja algumas dicas do que fazer no próximo Dia de Camões.

Degustar um bom vinho português

Portugal é reconhecido por suas vinícolas e vinhos premiados. Entre as principais regiões vinícolas do país está o Alentejo, uma das favoritas de enófilos do mundo todo. E os brasileiros podem provar muitos desses vinhos aqui mesmo no Brasil. Como, por exemplo, o Herdade de São Miguel, sendo o tinto equilibrado e com aroma maduro; e o branco bastante mineral e harmonioso, com aroma complexo e fina acidez.

Preparar um prato típico com bacalhau

O bacalhau é o peixe mais consumido no país e uma das comidas típicas de Portugal mais famosas. Existem diversas formas de prepará-lo, ele pode ser à Gomes de Sá, à Brás, assado com batatas, frito, entre tantas outras maneiras. Além de muito saboroso, é bastante saudável, ideal para reunir a família para provar esta delícia. No Alentejo, um dos pratos mais famosos com este peixe é a deliciosa açorda de bacalhau.

Assistir a um filme ganhador do Oscar com um toque português

O filme “A Forma da Água” ganhou o Oscar de Melhor Filme em 2018. Neste filme, todo figurino utilizado foi de responsabilidade do lusodescendente Luís Siqueira. Ele inclusive foi indicado na categoria de Melhor Figurino, mas não levou a estatueta para casa. Outro filme ganhador do Oscar é o “Belle Époque”, coproduzido e rodado em grande parte em Portugal. Uma ótima maneira de se sentir em terras portuguesas!

Ler um bom livro de autores portugueses

Apesar das diferenças, principalmente nos coloquialismos e sotaques, a língua portuguesa é uma só. E, por isso, brasileiros têm a oportunidade ler livros de autores portugueses no idioma original. Como, por exemplo, José Saramago (“Ensaio sobre a cegueira” e “O evangelho segundo Jesus Cristo”), Fernando Pessoa (“Mensagem” e “O livro do desassossego”), Eça de Queirós (“Os Maias” e “O Crime do Padre Amaro”) e o próprio Camões (“Os Lusíadas”).