Guia para a observação de estrelas

A observação de estrelas pode ser uma experiência inesquecível. Em locais com pouca poluição luminosa, longe de grandes cidades, a visibilidade de estrelas, planetas e outros corpos celestes é excelente.

E o melhor: você não precisa ser nenhum especialista em constelações para desfrutar de uma noite estrelada!

Confira nosso guia para a observação de estrelas.

Onde posso observar estrelas?

É possível olhar o céu noturno e ver algumas estrelas em qualquer lugar do mundo, desde que seja uma noite sem nuvens. No entanto, em locais afastados de grandes cidades, onde há menos iluminação artificial (a chamada poluição luminosa) e poluição atmosférica, o brilho dos corpos celestes fica ainda mais visível.

De fato, isso significa que, em espaços rurais, o brilho das estrelas é mais forte, além de ser possível enxergar muito mais estrelas.

Inegavelmente, os melhores lugares para observar as estrelas são as Starlight Destinations, áreas protegidas de poluição luminosa e atmosférica ao redor do mundo. No Alentejo, por exemplo, há a Dark Sky Alqueva, o primeiro destino de astroturismo português. fica situada na região do grande lago Alqueva, próximo à fronteira espanhola. Ela abrange cerca de 3 mil quilômetros quadrados!

Do que preciso para fazer a observação de estrelas?

Foto: Miguel Claro

Pode ser clichê, mas você só precisa dos seus olhos! Claro, há equipamentos que podem te ajudar na jornada, mas em uma Starlight Destination você conseguirá admirar muitos mistérios do universo a olho nu.

No entanto, confira alguns itens que você pode levar:

Binóculos

Mais baratos e mais fáceis de levar em uma viagem, principalmente para os amadores, um binóculo pode oferecer ótima visibilidade da Lua, das estrelas e de outros componentes das galáxias. Um bom modelo amplia em pelo menos 7 vezes e tem uma abertura de 50 milímetros.

Tripé

Se for possível levar um tripé para estabilizar seu binóculo, leve-o, pois o tremor das mãos pode atrapalhar o uso do binóculo.

Telescópio

Este é um equipamento para observadores mais avançados! Recomendamos que deixe para investir neste item apenas se já estiver familiarizado com a atividade, principalmente porque pode ser muito difícil aprender a usá-lo.

Lanterna LED vermelha

Utilizada por muitos astrônomos, este tipo de lanterna é ótimo para qualquer empreitada noturna. Enquanto uma lanterna comum pode incomodar os olhos na escuridão, a versão vermelha não só é mais agradável aos olhos como também é ideal para ambientes abertos, pois assusta menos os animais.

Como identifico estrelas, planetas e outros corpos celestes?

Foto: Miguel Claro

Este item era muito mais complicado antigamente. No entanto, hoje em dia, mesmo uma pessoa com pouco conhecimento pode identificar as luzes do céu noturno: basta ter acesso à internet!

Há diversos aplicativos para smartphones que utilizam o GPS para mostrar o que está visível no céu. Alguns deles são:

Além disso, você também pode contratar um guia para te acompanhar na empreitada. Essa opção pode ser mais prática e ainda mais educativa!

Como devo me vestir?

Foto: Miguel Claro

De preferência com roupas confortáveis e leves. Vale lembrar também que à noite e em meio à natureza pode fazer mais frio que o esperado. Por isso, agasalhe-se!

Outras dicas

  • Certifique-se de verificar a previsão do tempo na noite do passeio. O céu precisa estar claro, sem nuvens.
  • É lindo observar a lua cheia em uma Starlight Destination. No entanto, seu brilho intenso pode atrapalhar a visibilidade de corpos celestes menores! Sendo assim, é melhor observar estrelas nas demais fases da lua, sendo que a lua nova é ideal.
  • É preciso ter muito cuidado com o ambiente em atividades como essa. Não danifique a fauna e flora locais, nem deixe qualquer tipo de lixo ou resíduo para trás.

Outras atividades para curtir o céu estrelado

Na região do lago Alqueva, além de fazer passeios noturnos para a observação de estrelas, os viajantes podem curtir atividades diversas, como por exemplo observação astronômica com telescópios, trilhas, passeios de canoa e workshops fotográficos noturnos, entre outros.

Para isso, uma boa opção é o Observatório Lago Alqueva, que realiza observações astronômicas e solares, aluga equipamentos astronômicos e possui até programas voltados para as crianças. Os pequenos podem construir relógios de sol, aprender sobre a formação de crateras na lua, entender o funcionamento de telescópios e muito mais.