Viaje pelos vinhos alentejanos

Nós temos muitas opções de entretenimento, mas são os amantes de vinhos que mais se encantam pelo nosso território. Somos uma das maiores regiões vitivinícolas de Portugal e uma das mais importantes do mundo, o que garante ótimas ofertas de enoturismo.

A Herdade do Esporão, em Reguengos de Monsaraz, por exemplo, integrada à Rota Mundial dos Vinhos, tem diversos passeios educativos e lúdicos por suas vinhas, a pé ou de bicicleta. Também é possível participar de degustações, visitar as caves e adega e ter experiências gastronômicas incríveis.

Em Campo Maior, o viajante pode ter uma imersão completa, vendo de perto como são feitos os vinhos da Adega Mayor, conhecer suas vinícolas, aprender sobre a produção, degustar os vinhos e até participar das vindimas. Passeios de barco, bicicleta e até voos de balão também são opções populares.

Com uma adega moderna, um delicioso restaurante e um hotel de charme em Albernoa, a típica e familiar Herdade da Malhadinha Nova oferece atividades diversas, como degustação de até cinco vinhos, almoços, jantares e experiências como o pacote Wine Class, com prova de vinhos às cegas e workshops de cozinha utilizando os vinhos da propriedade.

Já a Adega Vila Santa, na pequena Estremoz, é onde nascem os vinhos João Portugal Ramos. Um passeio ou almoço oferecem tempo e tranquilidade para saborear os vinhos e a gastronomia local. A cidade tem uma feirinha na praça principal Rossio Marquês de Pombal, com artesanato local, queijos, compotas de frutas e outros artigos típicos.

Mas o melhor é que as opções não acabam por aqui: produtores como Quinta do Quetzal, Casa Agrícola Alexandre Relvas, Monte da Ravasqueira, Herdade de Coelheiros, Cartuxa, Carmim, Cabeças do Reguengo, Ervideira e Herdade do Sobroso, entre outros, também são fantásticas alternativas para conhecer a riqueza do nosso enoturismo.